Video amador fora do normal peludinha buceta grande carimbando buceta na pica durinha por namorado vazou no whatsapp video caseiro

Video amador fora do normal peludinha buceta grande carimbando buceta na pica durinha por namorado vazou no whatsapp video caseiro

Video amador fora do normal peludinha buceta grande carimbando buceta na pica durinha por namorado vazou no whatsapp video caseiro

Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal. antes de ver os video no dia tal ela tinha pesquisado , pesquisas tipo como dar o cu pela primeira vez coisas do tipoFui beijando ao lado daquele cu enquanto eu passava so a ponta do dedo pela entrada da bucetinha que estava inchada meio que fazendo cosquinha na pererecaOlá, quem já leu meus contos pode ter uma certeza, são todos verídicos acontecidos comigo e à s vezes com a participação de minha esposa.

fiquei feliz em saber, fomos embora do drive, deixei ele num ponto de onibus e fui embora…Eu – parei de tirar e colocar e fui comer normal e rapidoEle encostou na mesa e eu ajoelhei na frente dele, comecei a chupar gostoso, devagarzinho pra ele sentir a piroca todinha entrando e saindo da minha boquinha, passava a língua em tudo, depois botava de novo na boca, aumentando a intensidade, deixando a pica bem dura, do jeitinho que eu gosto.

Ela sentou-se na mesa e abriu as pernas, mostrando a xotinha peludinha e Norberto, encantado, ajoelhou-se e deu uma bela chupada nela. depois ele foi pra cima dela e ficou roçando a rola na rola na buceta dela.

com"Marcelinha, segurava os peitinhos de Claudia, puxava o seu cabelo e a beijava na boca, eu já estava quase explodindo, com a cena, meu tesão tava fora de controle, a Claudia pede para socar com tudo que ela ia gozar, soquei sem dó ela começou a gritar e chamar a Marcelinha de Putinha, ela gozou e eu encharquei a sua buceta de porra, devo ter dado umas oito jatos de porra nela, depois que tirei o pau para fora a Marcelinha perguntou se Claudia queria porra, ela fez com a cabeça que sim, Marcelinha ceio chupou a porra que estava escorrendo da buceta dela e foi beija-la para dividir a porra, pensei (pqp cara, nessa noite vou fuder elas demais…)Isa olhava diretamente para Gabriel, imaginava o tesão que o namorado devia estar sentindo participando pela primeira vez de uma suruba, ainda mais essa sendo em família, ela acelerou os movimentos com a boca no pau do tio e sentiu que o mesmo estava prestes a gosar. No meu computador a rebuscar sites “interessantes”, salvando vídeos e imagens de teor altamente capcioso, quando o whatsapp me avisa.

Foi quando ela me chamou e falou que queria um 69 comigo e ele metendo por trás, pois havíamos assistido um vídeo assim e havia adorado aquela posição,Antes de eu terminar a palavra o Carlos me agarrou, me deu um beijo delicioso, abaixou meu vestido, me colocou sentada em uma mesa eu com os seios pra fora ele mamando que nem um louco e a Clara transformada,aquela mulher estava possuída pelo tesão,ela sentou do meu lado, e realmente dirigia toda a cena:Olá a todos os amigos aqui presentes, me chamo Roberto, 25 anos, moro em BH-MG, um cara normal, com 1,78 de altura, 75kg, sem essa de lindo e sensual, um homem simples e comum. Chegamos em uma Rua muito escura e pedi pra ele parar pois precisava fazer xixi …Disse a ele fique aí que vou ali atrás daquela casa então ele disse deixa que eu te ajudo falei não precisa não To bem ainda heheQuando estou lá de repente vejo ele me olhando levei um susto !!Que está fazendo aqui ?Estava demorando achei que tinha acontecido algo…Morrendo de vergonha vou ao encontro dele e ele diz nossa estou com muita adrenalina preciso aliviar essa adrenalina do meu corpoEntão vamos pra lá beber e ele veio para o meu lado segurando meu cabelo e me beija , o que era aquele beijo molhado com mordidas que quando menos espero sinto minha calcinha fio se molhando não consegui bem resistir continue naquele beijo começou a passar a mão na minha bundinha que por sinal é linda, durinha enpinadinha , me enconsta na parede e começa a beijar meu pescoço e passando a mão na minhas coxas…De repente uma luz aparece alguém olha a gente para de se beijar a luz some e continuamos não tinha vontade de parar aquela elevação dentro da calça dele me deixava cada vez mais molhada aquelas mãos pegando em meu corpo me deixava querendo mais e mais ….

O grande dia chegou, nos encontramos e eu muito apreensiva, e com medo de não conseguir satisfazê-lo, mas ele veio até mim com um jeito avassalador e começou a beijar minha boca de uma forma sugadora, depois passou para o meu pescoço e seios onde os mamilos já estavam tesos de tanto desejo.

Ele passava a língua pela minha buceta e chupava forte …revezando entre lamber e chupar meu clitóris ele apertava minha bunda e interrava o rosto na minha buceta …colocando a língua dentro de mimEu sabia que o cu dela nao ia aguentar dar a 1 vez no secoEu mudei num domingo, e na segunda-feira fui trabalhar, voltando a rotina de sempre.

Eu fiquei em casa e por isso, o caseiro teve de dirigir o segundo carro, pois eram muitas pessoas.