Porno caseiro delicioso ruiva buceta grande arrombando o cú com ex-funcionário de natal – rn

53 seg

Categoria:

Tag: , , ,

visualizações

53 seg

Categoria:

Tag: , , ,

Porno caseiro delicioso ruiva buceta grande arrombando o cú com ex-funcionário de natal – rn

Porno caseiro delicioso ruiva buceta grande arrombando o cú com ex-funcionário de natal – rn

Ela se sentou e começo a abrir meu cinto, abaixou minha bermuda junto com cueca, tomou meu pinto em suas mãos sorrindo disse, “você é grande”, e devagar lambeu o corpo do meu pau, escorregando a língua até a cabeça, onde imediatamente o engoliu, como imaginei que boca deliciosa, me sentei no sofa pra ficar mais confortável pra ela me chupar, podia sentir sua boca babando no pinto enquanto o engolia, me retorcia no sofá de tesão, apalpava seus seios e os puxava, assim que ela parou de me chupar me puxo pelo pescoço e me pediu pra lamber seu seios, delícia! Ainda entre as pernas dela chupando e mordendo aqueles mamilos, ela com as pernas me puxava para penetra la, encostei a cabeça da pica na entrada da sua buceta, pra sentir a reação, ela praticamente me explorou pra fude, coloquei devagar pra sentir cada centímetro daquela buceta suculenta e quente, ensopada do jeito que estava, foi delicioso como facilmente cheguei ao fundo, e seu corpo tremendo de prazer, sussurrava no meu ouvido, porque não podíamos fazer barulho. Nos limpamos e fomos embora, peguei minha moto e fui pra casa, entrei no banheiro e fui pro banho,antes de entrar no chuveiro eu assisti o video da gozada na minha cara, nunca tinha sentido tanto tesão na minha vida me vendo ali mamando e tomando leitinho, me senti um ator porno, so que 10 a 0 nesses cara dos filmes, gozei muito, foram vários jatos na parede com 4 dedos no cu, depois apaguei o video de medo, mas as fiquei com vontade de fazer mais. A sala era bem ampla, com uma mesa de centro de madeira branca bem grande, uma bela televisão que quando ligamos já iniciamos em um desses canal pornô.

Eu fiquei em casa e por isso, o caseiro teve de dirigir o segundo carro, pois eram muitas pessoas.

Natalia: prometo de todo coração. Pedro em arrombando por trás, enquanto Sérgio enfiava um cacete com força na minha boca.

Sentei-me no chao e comecei a contemplar, com o corpo ardendo de tesao, a pessoa que eu mais amava me olhando angustiada, anseando por um orgasmo, sabendo que somente um toque a levaria a loucura e eu era a unica pessoa que podia faze-lo! Mas nao fiz! Ela desesperada, chorando me suplicou: “Bruna, nao tudo menos isso! Faz o que vc quiser comigo, mas isso nao… termina, por favor!” “Mas nao era vc que tinha nojo de mulher, agora quer que uma te de um orgasmo?!” Ela nao teve resposta, eu estava certa! Ela continuou a chorar, o seu corpo tremia e transpirava, sua bucetinha anseava por um unico toque, certeiro, bem no grelinho, a quem os meus toques deram tanto prazer!As Quatro Melhores do Colégio III: Brincadeiras na PiscinaFiquei louco e levei Anne para o meu quarto, ela começou chupando meu piru, depois, foi a minha vez, ela se arreganhou de bariga para cima e comecei a chupar sua buceta, coloquei a mão para abrir seus grandes labios e mordia de leve o clítoris, ela gemia alto, e gozou muito, depois subi em cima dela, mas ela virou e falou que queria cavalgar em meu pau, ela mirou e sentou em cima dele, começou a cavalgar enquanto eu chupava seus lindos peitinhos com a marca do biquíni. Seu Jorge era um quarentão : bonito, tinha um peito largo e musculoso, de quem ja foi nadador profissional, coxas grossas e lisas, pele clara, barba rala ruiva e uma “mala” ´ que me fazia viajar na imaginação.