Minha Esposa Novinha Adora Subir No Palco E Outras Esposa Não Gosta Do Que Ela Faz Ali

15 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

15 seg

Categoria:

Tag: ,

Minha Esposa Novinha Adora Subir No Palco E Outras Esposa Não Gosta Do Que Ela Faz Ali

Minha Esposa Novinha Adora Subir No Palco E Outras Esposa Não Gosta Do Que Ela Faz Ali

Eu não tinha a menor ideia do que seria isso, ele me explicou que era simples, minha esposa bateria uma pra ele e a esposa dele bateria uma em mim. queria me fuder! Então eu mandei ele subir quando eu chegasse. VÁRIAS OUTRAS PESSOAS SE ESPALHAVAM AO REDOR DO LOCAL AGUARDANDO SEREM CHAMADAS, PORÉM DOIS RAPAZES APROXIMARAM-SE DE MIM E COMEÇARAM A PUXAR CONVERSA. Euu gozei na boca de minha esposa e ela tomou todo o meu leite;Gilmar não tinha gozado ainda,mas notei que ele acelerou as metidas e ele gozou vários jatos na buceta dela…. Depois ela se virou e empinando a bunda começou a descer seu short. Ela era uma raimunda novinha e bunduda. – Olha, é meio chato eu falar isso, porque a pergunta inicial foi Quem gosta de sexo anal? E eu não gosto. Senti-me confiante e ele foi logo passando o creme e enfiando com seu dedo cuzinho a dentro, colocou a camisinha só até um pouco mais da metade do pau de tão grande e começou a roçar na portinha, confesso que meu pau amoleceu na hora de medo, ai meso que eu tava parecendo uma bichinha, coma bundinha empinadinha, meu pau ficou mole e pequeno e ele entrando devagarzinho, me rasgando com carinho e me beijando meu pescoço e orelha e perguntado se eu tava gostando, que ele seria bem carinhoso, sussurrando coisas no meu ouvido e me tranqüilizando, ai foi entrando e ele me puxando cada vez mais contra ele, tava ardendo e eu suando mesmo com o ar-condicionado ligado, até que ele perguntou se eu queria que ele parasse e que iria entender, fiquei de certa forma com dó dele ter sido tão carinhoso e eu estragaria tudo se pedisse para ele parar, então virei pra ele, ele aproveitou e me roubou um selinho e eu disse pra ele continuar que queria sentir ele gozar muito dentro de mim, ele ficou muito feliz e foi metendo mais e mais, ai ele perguntou mais umas vez e eu com muita dor gritei com ele – Mete… mete tudo meu macho gostoooooooso, me arromba, come essa puta que vai ser só suaaaa, aie ele criou coragem e mandou ver, enterrou de vez tudo que tinha direito, me senti desfalecer mas eu tinha mandado, agüentei no osso, e senti ele entrando e saindo e foi de uma forma tão gostoza que logo ele tava acelerando e cavalgando em cima de mim, me puxando com força contra seu pau enterrando tudo de vez, meu pau voltou a endurecer e só sei que depois de uns 5 minutos nesse torpor ele urrou forte e parecia que seu pau tava inchando mais ainda dentro de mim até deu um urro alto e gozou e socava a cada golfada ele socava mais uma vez fundo no meu cuzinho batendo seus bagos nos meus, eu gozei como nunca tinha gozado antes, parecia que ia ter um ataque de tanto que gozei com aquela macho encima de mim colado que parecia que não queria mais me soltar. O grande dia chegou, nos encontramos e eu muito apreensiva, e com medo de não conseguir satisfazê-lo, mas ele veio até mim com um jeito avassalador e começou a beijar minha boca de uma forma sugadora, depois passou para o meu pescoço e seios onde os mamilos já estavam tesos de tanto desejo. "Mas aquele sitio, em alguns domingos ensolarados seguintes, foi palco de mais algumas fodas entre Jorge e eu.

sempre que chegam as féria minha casa cheia, bom eu sempre tive um primo (nao vou citar nomes)que me chamava a atenção ele era alto, era um ou dois anos mais velho que eu, bonito com o olho azul.