Fudendo Uma Bucetinha Lisinha

visualizações

21 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

visualizações

21 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Fudendo Uma Bucetinha Lisinha

Fudendo Uma Bucetinha Lisinha

Ficaram preocupados, mas disse a eles que meu marido não reage a nada e sempre fala que tem medo de qualquer violência. Como não tenho intimidade com vizinhos, não passa de um bom dia, boa tarde ou boa noite, continuei do jeito que estava, mas já havia molhado todo o jardim e estava quase parando quando olhei pelo retrovisor de minha moto e vi que ele estava me olhando lá de cima, estava literalmente hipnotizado olhando minha bundinha branquinha, empinadinha e lisinha, percebi que ele estaav disfarçando que mexia em algo e com a mão sobre seu pau que parecia estar duro dentro do calção. Era dormir e pronto, e como eu não poderia perder a chance nem continuei a mamada exatamente para que ele n chegasse aos finalmentes.

Poucos instantes depois ela sugeriu que jogássemos sinuca, foi esperta precisou de ajuda possibilitando que ele abraçasse pegasse sua mão, enfim aproximação. Convidou-a uma vez, porque ela conversava com ele e reclamava que meu trabalho me ocupava os sábados e ela acabava ficando em casa.

– “Deixa ele molhadinho, deixa…”– “Aproveitador… isso não estava na tarefa!”, objetou a morena, mas em ato contínuo abaixou-se, puxando seu cabelo para o lado. Mas nunca levaram a coisa ao ponto de transar. Tentei me manter calmo, mas não tava conseguindo, se ele contasse pra minha esposa, ou colocasse na Internet fotos e videos meus… Eu estaria perdido… Estava nas mãos dele…"Mulheres,beijos na bucetinha. Nossas línguas se tocavam, suas mães apalpavam meus seios…Nossa quanto tesão.

Comecei a acelerar o movimento, e puxei seu rabo de cavalo, para levantar sua cabeça e disse “olha pra trás pra me ver fudendo a minha vadia”.

"Oi gente, as fotos que estão ai são do Artur, meu marido e corninho mais corninho do mundo, caladinho e obediente, compreensivo e incentivador.

Assim que tive forças para me levantar, fui cambaleando até o banheiro, e, ao passar em frente ao espelho, virei-me e vi, estarrecido, uma cratera onde antes havia um cú virgem.