Foda amadora puta buceta grande desejando uma rola na buceta com ex-chefe – manaus

48 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

48 seg

Categoria:

Tag:

Foda amadora puta buceta grande desejando uma rola na buceta com ex-chefe – manaus

Foda amadora puta buceta grande desejando uma rola na buceta com ex-chefe – manaus

Eu costumava entrar no banheiro e a coisa que mais me dava tesão era procurar no cesto de roupas sujas alguma calcinha dela, por meu pau duro no lugar onde ficava a marca da buceta e bater punheta assim, e quando gozava a minha porra ensopava a calcinha dela.

fechou a porta, me jogou na cama. Quando tocar suas línguas já não era mais o suficiente eu descia para os lábios de baixo, se ela ainda não gozou com o meu primeiro beijo, ela gozaria com o segundo, ninguém nunca resistiu, e o primeiro orgasmo era sempre o mais saboroso, romper a virgindade com a língua era um prazer para mim, mas eu já não encontrava prazer naquilo, eu queria era romper aquela boca masculina e preenche-la com meu tesão.

Moramos em Manaus e temos um sitio fora da cidade a 50 km.

A voz grave ganhou um rosto, era um homem de mais ou menos uns 50 a 55 anos,grisalhando,mais alto que eu – algo que considero difícil pois tenho 1,78cm – traços agradáveis tirando o semblante de desespero, diria que um belo homem me ajudou a levantar do chão,não reconheci e não o conhecia, sua mão era grossa e grande acompanhada de uma aliança, ele insistiu em me levar no hospital, eu resisti explicando que não tinha sido nada demais e uma carona até a minha casa seria o suficiente, ele não aceitou disse que me levaria até a sua casa primeiro limparia meus machucados superficiais pois seria o minimo que ele poderia fazer por mim, relutante ou não já tinha perdido toda a vontade de continuar minha corrida e por outro lado uma curiosidade em saber mais do meu “algoz” me fez aceitar a proposta. Quando ele me viu já sabia o que eu estava querendo, sem pensar MT ele me jogou na cama e começou secar meu corpo inteiro com a língua, e que língua ele tem… Estava ficando cada vem mais molhadinha desejando logo sentir seus lábios carnudos no meu grelinho que a essa altura já estava formigando por completo e minha grutinha pingando. Era a deixa tirei meu cacete da buceta e meti, devagar, no seu cu.