Deixando a buceta molhadinha

3 min

Categoria:

Tag: ,

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: ,

Deixando a buceta molhadinha

Deixando a buceta molhadinha

"Já era tarde, estava numa festa no apartamento do meu namorado, depois de algumas bebidas já estava com muito tesao e fui para o banheiro com ele, ja fui entrando tirando minha roupa gritando pra ele me chupar toda e me fazer gozar, e foi o que ele fez, enquanto ele chupava minha boceta me fazendo delirar minha amiga entrou no banheiro, no começo fiquei envergonhada achando que ela sairia e nunca mais tocaríamos no assunto, mas o que ela fez foi fechar a porta e se aproximar, eu gelei, nunca tinha tido nenhuma relacao com uma mulher antes, mas ela era muito gostosa, so de olhar pra ela ja tava ficando com mais tesao, ela chegou tirando meu namorado e falando que ia ensinar ele fazer uma mulher gozar de verdade, eu ja tava molhadinha de desejo por ela enquanto ela passeava com suas maos pelo meu corpo, então ela me puxou com forca e começou a me chupar, me chupar muito, com vontade, nunca tinha sentindo um prazer tao grande, eu gemia, gritava pra ela me comer, então ela começou a meter os dedos na minha bucetinha com mt forca, ela metia e depois me fazia lamber seus dedos meladinhos com meu gozo, minhas pernas ja tremiam quando ela pediu para o meu namorado me comer de 4 pra ela ver, e foi o que fizemos, ele nem pensou duas vezes e ja veio metendo, quando olhei pra ela, ela tava vendo meu namorado me comendo e se masturbando com a calcinha toda molhada ja, então mandei ela tirar a calcinha e se aproximar pra eu poder enfiar minha língua na sua boceta.

E mirou a cabeça na entrada da buceta e forçou um pouco.

levei o turco até um galpão vazio e começamos, me abixei e com o pau dele ainda mole comecei a lamber e chupar a cabecinha, logo senti ele se avolumar em minha boca, ele ficava paralizado e eu me acabando em sua pica, então pude sentir pequenos esguichos de porra em minha boca, parei de chupa-lo, tirei minha roupa e ofereci meu rabo pra ele, primeiro ele deu uma cheiradinha e uma pequena lambida, aquilo me fez estremecer de tesão, meu pau já estava duro como pedra, ele então sem perder tempo montou em mim ( como ele estava preso, fazia algum tempo que ele não dava uma foda), logo podia sentir seu pau me cutucando por traz, como não tinha nenhum lubrificante, cuspi em minha mão e pasei no meu buraquinho, pguei o pau dele e coloquei na entradinha, e ele fez o resto, meteu tudo até o fundo, dei um grito abafado e pude sentir a porra escorrendo do meu pau, estava gozando e o turco atraz de mim metento seu pau cada vez mais fundo, comecei a rebolar e fazer movimentos com a bunda, então ele deu uma estocada bem forte e enfiou o nó, parecia que tinha me rasgado, me senti totalmente preenchido pela sua pica então comecei a senti-lo gozando dentro de mim, era muita porra, em abundancia absoluta, escorria pelas minhas pernas e pelo meu saco, passados alguns minutos ele desgudou e como todo bom cachorro me lambeu deliciosamente, me deixando limpinho, cara foi uma foda e tanto.