Coroa Safada Tira Leitinho Do Novinho Batendo Punheta Até Gozar

Coroa Safada Tira Leitinho Do Novinho Batendo Punheta Até Gozar

Coroa Safada Tira Leitinho Do Novinho Batendo Punheta Até Gozar

Subi as mãos por suas coxas segurando-a pela cintura enquanto sugava seu melzinho lubrificante, pus uma camisinha e enfiei meu pau em sua buceta, ali mesmo, no sofá, meti gostoso por um bom tempo naquela posição, apertando e beijando seus peitos, chupando sua língua e beijando sua boca, sua nuca, olhávamos para nossos sexos, meu pau sumindo e aparecendo em sua bucetinha, carnuda e lisa, decorada com o pequeno “bigodinho”, vi que a visão a deixava mais excitada, então dizia: – olha gostosa, olha meu pau sumindo em você, olha sua buceta me engolindo inteiro, olha safada…. de repente, o rapaz levanta minha esposa, tira sua roupa e vê que ela está muito molhada, então a deita na cama e começa um banho, lambendo seu corpo todo, e por fim chegando a sua bocetinha, chupou, lambeu, mordeu, dava pra perceber que ela estava indo a loucura até gozar na boca do rapaz, este pegou uma camisinha, vestiu e meteu seu pau bem fundo nela. Nunca havia chupado, mas com a cara e a coragem fui abocanhando pouco á pouco aquela pica bem dura, sentindo o gosto, as veias grossas, aquela pulsada gostosa e meu amigo inclinava a cabeça pra trás na cadeira com os olhos fechados mole de tesão enquanto dizia quase sem folego “Nossa como isso tá bom! Caralho mano!""Pois bem , Adriana é uma Mulher Gostosíssima ,1,70 , cabelos encaracolados , uma bunda maravilhosa , seios no tamanho ideal e sempre durinhos e um par de coxas e um sorriso incontestável , a algum tempo trocamos olhares ” sacanas ” , um belo dia , estava eu em minha sala na hora do almoço , todos tinham descido para almoçar , bateram na porta e mandei entrar , advinha quem era ?? ela mesmo Adriana , toda gostosa e de cabelos soltos sorrindo com um batom super vermelho , entrou fechou a porta e falou se eu tinha um minutinho para ela , todos os minutos que vc precisar falei sem exitar , ela começou com sorriso sacana e trancou a porta na chave , logo depois começou a abrir o seu jaleco que ia até quase os joelhos , foi abrindo , abrindo até o último botão e ao abrir totalmente … pasmemmmmmm , ela estava Nua em Pelos , totalmente nua , sou todinha sua agora , quero meter com vc agora , ou se quiser me demitir me demite , ” mas me come antes ok ?”foi assim sem tirar nem por , confesso que meu pau até desceu tamanho a surpresa , mas logo em seguida ela se ajoelhou , eu já estava de pé , abriu o zíper da calça pegou meu pau com vontade e começou a chupar como uma potranca no cio , chupava e gemia ao mesmo tempo , derrepente se levantou , afastou alguns objetos da minha mesa e ficou de costas debruçada na mesa com aquela bunda maravilhosa e com a buceta raspadinha toda molhada de tesão , falando cheia de tesão , mete na minha xaninha , mete , eu já estava com a pica mais dura que qq coisa , meti de uma vez só , ela estava tão melada que quase nem senti atrito da minha pica entrando na buceta maravilhosa dela , fiquei socanado a pica nela e ela querendo mais e mais ela já estava gozando e eu já não estava aguentando mais então falei para ela , vou gozar fora , ela mais que depressa se ajoelhou e engoliu minha pica todinha até sentir o leitinho quentinho descendo em sua garganta , gozei muito na garganta dela , com as calças arriadas até o joelho , nem deu tempo para tirar , ela sugou até a última gota , depois ela se levantou , pegou algumas folhas de lenços de papel , limpou um pouco a buceta , pois estava super melada , vestiu o jaleco e falou no meu ouvido após me dar um beijo de língua que levanta qq defunto rsrs ,na próxima quero no cuzinho ele inteirinho , aí vc pode gozar com tudo dentro dele , e começou a se ajeitar com um sorriso mais sacana ainda , eu me ajeitei e passamos o dia nos entre olhando e eu com o pau duro querendo mais …. A freira coroa estava relaxada depois de gozar daquele jeito.

Estávamos conversando sobre isso em um dia em que eu não fui trabalhar e ela estava lá em casa fazendo faxina, estávamos na cozinha, e ela estava com seu shortinho que faz com que ela fique com um capuz de fusca e permite ver sua calcinha enfiada em sua bunda, e enquanto ela me falava que já estava há 3 meses sem poder transar me contou que estava tendo muito problema financeiro, pois tudo estava muito caro, e as pessoas estavam começando a parar de contratá-la para reduzir gastos, eu estava só de bermudinha em casa, havia acabado de tomar um banho e ela virou pra mim e disse, meio que em tom de brincadeira, acho que vou começar a fazer programa escondida, pois assim acabo matando meu tesão e resolvendo meu problema de dinheiro, ela disse isso e riu, mas na hora isso me deixou excitado, de tal forma que meu pau fez um volume sob a bermuda, como estava ao lado dela eu coloquei a mão em seu ombro e perguntei se ela tava pensando realmente sério nisso, ela colocou a mão em minha cintura e disse que tinha hora que tinha vontade mesmo, mas o problema é que teria que dar pra um monte de gente feia, que os caras que iam querer ela não iam ser novinhos e bonitos iguais a mim, quando ela disse isso eu segurei a mão dela tomei coragem e falei, -você que pensa, olha como que eu fiquei só de ouvir você falando isso! Então coloquei a mão dela sobre meu pau, por cima da bermuda, ela olhou pra mim com cara de assustada e de safada e disse, -nossa Rodrigo, você teria mesmo coragem, mesmo com uma mulher bonita igual a sua? Mas enquanto ela falava deixou a mão em meu pau, eu então tirei ele pra fora da bermuda e coloquei sua mão nele e falei que se ela quisesse, eu comeria ela agora, ela começou a me masturbar em pé, encostado no balcão da cozinha, e disse que não sabia se devia fazer isso, que tinha medo e coisas assim, mas sem parar de alisar meu pau, da cabeça até o saco, eu virei ela de costas e encostei meu pau em sua bunda e comecei a me esfregar em sua bundinha, enquanto ela continuava a me punhetar devagarinho, com minha outra mão comecei a acariciar sua boceta por cima da bermuda, ela afastou a bermuda pra que eu enfiasse a mão em sua boceta, e quanto pus meus dedos em sua boceta senti todo aquele melado, ela estava louca de vontade de dar, então pus ela sentada na cadeira da mesa e comecei a esfregar meu pau em sua cara, passando em seus lábios, ela ficou sentindo o cheiro de meu pau e então começou a abocanhá-lo, segurando em meu saco e empurando meu corpo de encontro a sua boca, sugou com vontade por alguns minutos, até que não mais agüentei e levei ela pro sová, arranquei apenas seu shorte e sua calcinha e empinei bem aquela bundinha pra mim, acariciei um pouco mais aquela linda bocetinha e enfiei meu pau nela com vontade, meu pau deslizou com facilidade, e ela estava tão lubrificada que tive dificuldades pra gozar, eu ia metendo em sua boceta e batendo em sua bunda, e ela gemia e dizia:-isso, mete na mamãe, come a mamãe come seu gostoso!, Enquanto ela gemia ela rebolava aquela bunda gostosa e depois de uns 15 minutos de um vai e vem frenético acabei gozando em sua bundinha….

"E até já deixei ele participar das minhas trepadas com amigos, somente vendo, fotografando e batendo uma punheta, as vezes peço para meus machos humilharem meu corninho…confesso que adoro isso!"Meu nome é Tiago,moro em Curitiba e tenho 48 anos.

perguntando se a mulher dele sentava igual, e quem era mais gostosa,a essa altura ele com uma cara de louco de tesão , me avisa que vai gozar, levantei e comecei a punheta-lo, com meu rosto proximo da sua pica, e ele explodiu em gozo tudinho na minha cara, que leitinho grosso e quentinho , me lambuzei toda.