Buceta melada da minha gostosa

4 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

4 seg

Categoria:

Tag: ,

Buceta melada da minha gostosa

Buceta melada da minha gostosa

E que também estava a fim de transar com os dois juntos em minha casa, junto com meu marido. De imediato o garoto se levantou e tirou seu pauzão de dentro de mim, me virou de frente pra ele e me pegou no colo, preso em sua cintura. -suas mãos viajaram até o fecho do meu sutiã e ele o abriu, meus seios saltaram e ele suspirou satisfeito-Que delícia Querida. Encostei a safada na parede e perguntei se quando eu encochei ela no elevador eu meti a mão naquela buceta lisa e ela disse que eu fiz isso sim. Não podia ser drástico e a sutileza demonstrava pouco sucesso, resolvi fazer uma jogada de mestre. Fomos para outra parte do club, uma grande cama redonda reunia vários casais e mulheres deitadas a mercê dos homens escolhidos, ficamos de lado só assistindo, a beleza dela não deixou demorar para dois rapazes se aproximar, ela deixou eles a acariciarem, eu sentei num sofá atrás de mim e ela sentou no meu colo e ficou acariciando os paus deles, imediatamente eles sacaram e apontaram para ela, quase tive um enfarte quando ela já masturbando os dois começou a chupa-los.

O bombeiro fodia sua buceta com vigor, em um vai-e-vem cadenciado, dizendo: Você tem muita sorte de ter uma mulher gostosa e safada como essa, com essa sua bunda redondinha e branquinha, com a marquinha de biquíni fio dental que a deixa mais instigante e com vontade de foder sua buceta cada vez mais, você deve fodê-la muito, mantê-la safada assim, com muita pica, percebi lá fora que vocês são um casal muito safado. – É, a gente tava brincando e o cartão caiu, foi até legal, porque a brincadeira tava chata, não acha? Ele debochou abrindo uma gargalhada.

Depois que deixei ele em casa olhei o relógio peguei minha moto e segui pra cidade. Estava curtindo a ideia e aí vivi complementou.

chupando… disse que nunca tinha provado uma buceta tão gostosa, que eu era linda, que não queria parar de me chupar.

Eu estava já louca de tesão, com a bucetinha toda melada e pulsando e já esperava ser penetrada pelos policiais. Tranquilizamos as duas mais uma vez, e Caio, aproveitando que estávamos sozinhos, perguntou como elas estavam se sentindo com aquilo tudo. Enquanto caminhava, se recordava da primeira vez em que ela e o avô transaram, e das outras vezes em que isso aconteceu.